Home Alma Destaque Colégio Novomundo, em Praia Grande, será o maior polo de captação de...

Colégio Novomundo, em Praia Grande, será o maior polo de captação de energia solar da Baixada Santista

Projeto foi idealizado para comemorar os 40 anos da instituição.

Projeto foi idealizado para comemorar os 40 anos da instituição.

Fachada do Colégio Novomundo (imagem/divulgação).

Em 2022, o Colégio Novomundo completa 40 anos de história e, para comemorar, dará um presente não só para a comunidade escolar, mas também para o planeta. Em meio a maior crise hídrica brasileira dos últimos 90 anos e previsões de racionamento de água e eletricidade, o Novomundo é pioneiro e firma seu compromisso com o meio ambiente, funcionando apenas com energia solar a partir do próximo ano. 

Por conta da iniciativa, o Colégio será o local com maior captação de energia solar da Baixada Santista no setor A, que engloba todos os consumidores de microgeração. 

“Muito maior que o investimento que estamos fazendo para diminuir custos com energia elétrica é o legado ambiental que deixaremos para as próximas gerações. Nosso colégio a partir de agora não apenas fala de educação ambiental, nós praticamos no nosso dia a dia”, disse a mantenedora do Colégio,  professora Lúcia França.

A captação solar gera uma energia alternativa, inesgotável, renovável, sustentável e limpa, ou seja, ela não emite poluentes e nem causa impactos ao meio ambiente enquanto é produzida e utilizada.

Por meio de 260 painéis solares que ficarão no telhado da escola, seguindo um rigoroso padrão de qualidade, segurança e normas técnicas, a luz emitida pelos raios ultravioletas será transformada em eletricidade e atenderá os 7 mil metros de extensão do Novomundo e mais de 600 alunos.

Projeto dos painéis solares (imagem/divulgação).

Ao longo de sua vida útil, o sistema de captação, feito em parceria com a Solarprime, evitará *105.068CO² emissões de carbono em 1 ano e o número chegará em *2.626.568CO² emissões de carbono em 25 anos. Além disso, as emissões evitadas serão equivalentes ao que é absorvido por 15 mil árvores,  e ao carbono produzido por 26.265.680km rodados de um carro, ou seja, é como se toda a extensão da costa brasileira deixasse de ser percorrida mais de três mil vezes. 

“A redução de emissão de CO2 contribui para que o efeito estufa não se intensifique, o que vai colaborar para reduzir os possíveis efeitos da Emergência Climática que viveremos nos próximos anos. Pensando no pedagógico, os estudantes poderão, a partir da estrutura de captação, desenvolver seus próprios projetos relacionados” acrescentou o diretor pedagógico, Marcio Motta.

Ainda para comemorar os 40 anos de sua fundação, a escola trocará de fachada e passará a captar e utilizar a água da chuva, enfatizando ainda mais o cuidado com a natureza e a preservação ambiental.

* O valor refere-se à toneladas de CO2.

Release: Paula Freitas | Marketing e Mídias sociais Colégio Novomundo.

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Como gostaria de ser chamado?

Mais Populares

Artigos Comentados

Henrique Vieira Rodrigues da Silva on O futuro do transporte público de Praia Grande
Esther Zancan on Quanto vale seu tempo?
Rafa Purps on Quanto vale seu tempo?
Carlos Alberto Rios Fernandes on Com quantos seguidores se faz um influenciador?